Diurético com ascite, drogas, drogas e diuréticos, Furosemida, Veroshpiron, tratamento medicamentoso

Diurético com ascite Para o tratamento da hidrocefalia, os diuréticos são ativamente utilizados, um diurético na ascite ajuda a aliviar a condição do paciente, mas não são capazes de eliminar completamente o líquido no estômago. E tudo porque a complicação descrita é secundária, sem eliminar a causa da raiz de matar a hidropesia do abdômen é impossível. O líquido irá se acumular constantemente no peritoneu e provocar uma piora dos sintomas gerais.

Qualquer diurético na ascite pode ser prescrito e no estágio do diagnóstico, querendo aliviar o bem-estar do paciente e fazer parte do tratamento abrangente da doença que se tornou a principal causa do desenvolvimento de uma complicação perigosa.

A escolha de um diurético na ascite depende também do desencadeamento do desenvolvimento da hidropisia. Provocar uma patologia pode:

  1. Insuficiência cardíaca.
  2. Cirrose do fígado.
  3. . Doenças oncológicas.
  4. Falha renal.

Diuréticos da ascite na insuficiência cardíaca

Furosemida em ascite Quando a hidropisia aparece no fundo da insuf

iciência cardíaca, além de aumentar a circunferência do abdome, edema aparece nos tornozelos.À medida que a doença progride, eles podem alcançar os joelhos. Os diuréticos adequadamente selecionados na ascite e insuficiência cardíaca reduzem significativamente a carga sobre o coração, reduzem a pressão que se forma dentro do peritoneu.

Dependendo da gravidade da doença subjacente, o paciente recebe pancadas ou injeções intramusculares. A preferência neste caso é dada a preparações tiazídicas, às vezes são combinadas com diuréticos de alça( Furosemida, ácido etacrínico, Bumetonide ou Torasemida).Observe que a furosemida reduz o estresse no ventrículo esquerdo do coração, portanto, esse medicamento diurético é prescrito quando uma patologia é descrita.

Diuréticos em ascite com cirrose hepática

Preparações para ascite Quando ocorre uma cirrose do fígado, o órgão doente não consegue filtrar a quantidade necessária de sangue, razão pela qual uma grande quantidade de ultrafiltrado se acumula na cavidade abdominal. Tem uma fração líquida, portanto, facilmente se infiltra através das paredes dos vasos sanguíneos. O volume de fluido depende da gravidade da doença. Em casos especialmente graves, pode atingir até 30 litros. Metade desses pacientes morrem, o resultado letal é bastante rápido, impedido por drogas diuréticas que ajudam a regular o metabolismo salina-água. Em tal situação, os diuréticos em ascites são designados de tal forma que eles podem fornecer uma retirada controlada do fluido do corpo. A norma permitida é de 1 kg por dia( na presença de edema visível) e 0,5 kg( quando o inchaço visível está ausente).

O medicamento da primeira linha é Veroshpiron, mas com ascite claramente expressa pode ser ineficaz. Seu efeito começa apenas no terceiro dia depois de tomar a pílula. Com ascites rápidas, cada minuto é caro, com frequência com cirrose do fígado, o Veroshpiron é administrado em conjunto com Furosemida ou qualquer outro diurético de alça. A dose de comprimidos ou injeções é calculada com muito cuidado. O paciente deve ser orientado para o cálculo diário do volume de produção de urina e pesos( com a dosagem correta, o paciente deve perder peso no máximo 3 kg por dia).Use diurético sozinho na ascite não pode, porque em casa é impossível controlar o nível de eletrólitos no soro sanguíneo. E isso é muito importante.

Não tome Veroshpiron durante a gravidez e amamentação. Durante este período, você deve parar completamente de tomar diuréticos da primeira linha, dando preferência aos diuréticos de loop.

Diuréticos em ascite e insuficiência renal

Veroshpiron com ascite A insuficiência renal também se torna frequentemente o culpado de ascite. Neste caso, surge outro sintoma característico: a aparência de bolsas assimétricas sob os olhos. E, neste caso, o tratamento médico da ascite é realizado sob a estrita supervisão de um médico.

Em caso de insuficiência renal, podem ser utilizadas plantas diuréticas( Nephropeel, por exemplo), com uma doença moderada, a preferência é dada às ervas que apresentam os mesmos efeitos. Com a seleção correta da coleção, é possível aumentar a quantidade de saída de urina em cerca de 25 vezes.

Se a ascite foi desencadeada por uma doença renal inflamatória, a Furosemida é prescrita. Tem um efeito de curto prazo. O efeito ocorre em meia hora e dura até 8 horas seguidas. Se for tomada uma vez por dia, a função da excreção de sódio não sofre, o que é muito importante na doença primária. Na presença de insuficiência renal, mantém o seu efeito mesmo a uma taxa muito baixa de processos de filtração.

Este medicamento também é prescrito para mulheres grávidas em ascite. Mas apenas no caso de haver uma ameaça para a vida da mãe. A composição da furosemida é muito ativa, a droga é capaz de penetrar na placenta. No caso de prescrever este diurético em ascite, é realizada uma monitorização rigorosa do feto. O medicamento descrito reduz a lactação, ele penetra no leite materno, então, durante as pílulas para amamentação, são canceladas.

Tratamento médico do câncer de ascite

Que diuréticos são utilizados na ascite se o edema abdominal foi desencadeado por oncologia? Na maioria dos casos, Lasix, Veroshpiron e Diakarb são usados. Eles beberam durante muito tempo, em sua aplicação, os oncologistas insistem mesmo quando não há efeitos visíveis. Observou-se que os diuréticos para ascite oncológica mostram um resultado positivo apenas na presença de metástases no fígado. Em outros casos, o procedimento de laparacenteses é indicado.

  • Compartilhar